A Associação dos Deficientes Físicos de Ponta Grossa (ADFPG) vai ofertar cursos de qualificação do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC). O programa do Governo Federal, criado em 2011, possibilita a ampliação na oferta de cursos tecnológicos e de educação profissional.

Para a diretoria ADFPG, os cursos oferecidos são apenas os de qualificação, que possuem duração mínima de dois meses. “É tudo através do Senai. Foram eles que entraram em contato conosco desde o ano passado para oferecer os cursos. Nós vemos a necessidade, pois não são todos os cursos que o deficiente pode fazer”, afirmou a assistente social Ana Teresa da Cruz.

Em 2013, conforme a assistente social, apenas os cursos de auxiliar administrativo e costura foram realizados. “Aprendi a cortar, fazer e também a lidar melhor com as máquinas de costura. Colocar o fio na agulha é muito difícil, mas foi uma experiência ótima”, afirmou Marlei Kriki, associada da ADFPG há 12 anos. A demora na aprovação pelo MEC impossibilitou o curso de operador de informática.

Neste ano foram acordados os cursos de costura, manutenção de computadores e auxiliar administrativo. O pedido dos cursos foi efetuado em março (2014), porém a Associação ainda não obteve resposta. “Se demorar muito provavelmente venham só dois cursos, mas temos que esperar”, comenta Ana Teresa.

“O Pronatec está liberando os cursos. Foram liberados os cursos técnicos e os subsequentes, mas o Senai não é o gestor dos cursos específicos que fizemos com as instituições, então não temos como saber quando vão liberar”, afirma Janaina Cazini, professora e interlocutora do Programa SENAI de Ações Inclusivas (PSAI). Está aberta até a quarta-feira (20) as inscrições para os cursos do Sisutec através do site: www.sisutecmegovbr.org/?s=inscricoes.