A coordenação do Fórum Estadual dos/as Servidores/as (FES) protocolou na Casa Civil, nesta quarta-feira, dia 18, a solicitação de uma reunião de negociação coletiva com todas as entidades do funcionalismo público paranaense. A decisão foi tomada na reunião geral realizada na segunda-feira, na sede da APP-Sindicato.

 

Na reunião, além da avaliação do movimento grevista, os representantes dos sindicatos decidiram manter a orientação de greve geral e definiram uma "pauta unificada". De acordo com a nota divulgada pelo FES, os pontos que unificam os servidores são:

  • 1-Retomada da negociação coletiva, conforme convenção 151 da OIT, com o conjunto dos/as servidores/as;
  • 2-Compromisso do Governo de não retornar os projetos de lei para a Alep (tanto da Prprevidência como o de retirada de direitos dos/as servidores/as);
  • 3-Negociação imediata sobre o pagamento de todos os atrasados das diversas categorias;
  • 4-Abertura de debate sobre o fortalecimento do serviço público com concursos públicos e fim das terceirizações.

Na próxima segunda-feira, dia 23, a Coordenação Estadual do FES e os representantes dos sindicatos acompanharão a Sessão da Assembleia Legislativa, às 14 horas. Para a terça-feira, dia 24, está marcada nova reunião das entidades sindicais, a ser realizada às 9 hs, na sede da APP-Sindicato, em Curitiba.


Nota das entidades sindicais do Paraná

Arquivo comunitário:
13/02/2015 - Educadores ganham a primeira batalha contra as medidas do governador Beto Richa
11/02/2015 - Em aula pública, professores e estudantes da UEPG debatem a situação da universidade