Imprimir

montecarlo1-22-11-11

A falta de coleta e tratamento do esgoto resulta em problemas como acúmulo de lixo, proliferação de animais peçonhentos e mau cheiro. Moradores alegam descaso de órgãos responsáveis por não atenderem reivindicações.

Além das ruas estarem em péssimas condições, falta um tratamento adequado de esgoto. A situação tem preocupado os moradores, já que os problemas existem desde a chegada dos primeiros habitantes ao lugar.

Nelci Nascimento Santos, presidente da Associação de Moradores do Jardim Monte Carlo, diz que já foi várias vezes à Prefeitura para solicitar melhorias. “Não adianta mais ir porque eles não resolvem nada”, critica.

Morando na vila há mais de 15 anos, Laura Dolores e Márcia Dolores dizem que parte do problema do esgoto que passa na frente da casa delas foi resolvida, mas ainda falta uma solução definitiva, já que ele continua a céu aberto, acumulando lixo, trazendo animais como ratos e baratas para dentro das casas, além de ocasionar mau cheiro. “Quando bate o sol, fica insuportável”, relatam.

Além disso, apesar dos moradores já terem assinado contrato para ter asfalto, nada foi feito. “Nós já assinamos o contrato há mais de quatro anos, mas até agora nem patrola foi passada nas ruas”, conta Nelci.

Existe ainda no Monte Carlo um olho d’água exposto, que acumula lixo e sujeira, e casas em situação de risco. “O bairro foi totalmente abandonado, e nós corremos atrás de melhorias. Mas os setores responsáveis prometem solução e não resolvem nada”, protesta a presidente da Associação de Moradores.

O setor de comunicação social da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) informou que a empresa está executando obras para que entrem em operação estações elevatórias de esgoto no Jardim Monte Carlo. Segundo a assessoria, na vila já foram implantadas redes coletoras e as obras devem ser finalizadas no primeiro semestre de 2012.

Veja também

13/06/2011 - Falta de calçamento gera transtornos a moradores do Monte Carlo

alt

Categoria: Boa Vista
Acessos: 3799