O projeto conta hoje com 14 mães e aceita inscrições de moradoras de qualquer bairro de Ponta Grossa.

Entre fitas e tintas usadas para o artesanato, as mães do bairro Cará-Cará passam as tardes de quinta-feira no Lar dos Idosos da comunidade. Funcionando há menos de um ano no local, o Clube de Mães é uma forma de ensinar um método alternativo para a renda familiar.

Aos cuidados da dona Lucinda de França, as atividades são realizadas das 13h30 às 16h30 e necessitam de uma pré-inscrição para que possa ser feito o planejamento de materiais utilizados no dia. As mães aprendem o uso do stencil e pinturas em panos de prato, aplicação de fitas de cetim, em toalhas de rosto e banho, e crochê.

“Eu fico sozinha em casa todas as tardes e vir aqui é uma forma de distrair e passar o tempo. Eu amo fazer artesanato e aqui eu aperfeiçoei o que eu já sabia”, conta Valdira Ornieski Barbosa, que frequenta o clube desde seu começo, quando as oficinas aconteciam na igreja local.

Os materiais vêm, principalmente, de kits disponibilizados pela prefeitura. “No kit vem o básico, panos, barbantes, tintas, retalhos e tecidos para a confecção de peças usadas em pré-natal , ai o resto a gente compra com o dinheiro do bazar”, ressalta Lucinda.

Para quem já é cadastrada no projeto, as confirmações de presença são feitas com a dona Lucinda de França e o cadastro, direto no SOS da Prefeitura Municipal.

 

Arquivo Comunitário:

Associação de Moradores do Cará-Cará vai sediar Clube de Mães criado pelo SOS

Clube de mães da Paróquia São José faz artesanatos para arrecadar doações a entidades