Imprimir


Há dois meses, a Central Única dos Trabalhadores (CUT) colocou à disposição dos interessados um site para a votação a respeito do Imposto Sindical. A organização possui mais de 3 mil entidades filiadas e defende que o imposto cobrado dos sindicatos deve ser convertido em contribuições negociáveis, com valor estipulado em reuniões em cada categoria trabalhadora.

Em Ponta Grossa, o Sindicato dos Comerciários apoia este posicionamento alegando que sem a consulta de cada categoria, o Imposto Sindical acaba por estimular a criação de entidades que não são representativas e não têm compromisso real com as causas trabalhistas.

Segundo o Ministério do Trabalho e Emprego, o número de sindicatos existentes no país aumentou de 12.673 no final do ano de 2009, para 13.848 no início de 2011. Segundo o membro da diretoria do sindicato dos comérciários em Ponta Grossa, João Vendelin, “este crescimento só gera mais conforto para pessoas oportunistas que pensam em ganhar dinheiro em cima de causas importantes.”

Site da CUT para votação a respeito do imposto:  http://diganaoaoimposto.cut.org.br/

Categoria: Comerciários
Acessos: 1914