Durante os dias 7, 9 e 10 de outubro acontece, no Centro de Cultura de Ponta Grossa, o 4º Encontro Ambientalista dos Campos Gerais. No local, haverá oficinas e palestras onde serão discutidos os temas fauna, flora, sustentabilidade, recursos hídricos e resíduos sólidos.
Foto: Arquivo dos Encontros Ambientalistas dos Campos Gerais    

Programação do 4º Encontro de Ambientalista dos Campos Gerais


“Eu e você, o que podemos fazer pela vida no planeta”. Este é o tema do 4º Encontro de Ambientalistas dos Campos Gerais. O evento acontece nos dias 7,9 e10 de outubro, no Centro de Cultura de Ponta Grossa. Serão três dias de palestras, oficinas e exposições que irão discutir direitos dos animais, proteção da água, sustentabilidade e conservação ambiental.

O encontro é promovido pelo Grupo Fauna de Proteção aos Animais, em parceria com o Grupo Ecológico dos Campos Gerais e os Centros Acadêmicos dos cursos de Biologia e Geografia da Universidade Estadual de Ponta Grossa.
 
   
Entre os convidados desta quarta edição estão: Anderson Luis Valle, analista ambiental do IBAMA de Brasília; Emerson Antônio de Oliveira, diretor de áreas protegidas do Ministério do Meio Ambiente e o advogado Rafael Filippin, que há anos toma parte na luta contra a construção da Usina Hidroelétrica de Mauá.

Andresa Jacobs, integrante do Grupo Fauna e membro da Comissão Organizadora do evento espera que o Encontro seja proveitoso para os ambientalistas, mas principalmente para a comunidade em geral. “Através das discussões dos temas que irão compor o Encontro, buscamos uma maior mobilização sócio-ambiental, ou seja, o fortalecimento do movimento ambientalista na nossa região, não somente dentro das ONGs, mas em toda comunidade”, explica.

   Andresa ainda completa falando sobre a importância da participação da população: “será possível ao público fazer perguntas sobre as temáticas, buscando esclarecimentos e exemplos de trabalhos realizados a favor da sua região, dos animais e do meio ambiente como um todo”.
 
 
As oficinas custam 5 reais e acontecem no período da manhã e da tarde. Os temas serão: vegetarianismo, construção do aquecedor solar, riscos ambientais, métodos de substituição do uso de animais na ciência, permacultura (como fazer os seres humanos viverem de forma integrada ao meio ambiente, alimentando os ciclos vitais da natureza), educação ambiental e utilização de materiais alternativos na produção de brochuras.

As palestras serão à noite, a partir das 19 horas e custam 10 reais. As inscrições podem ser feitas nas Livrarias Verbo. Oficinas e palestras acontecem no Centro de Cultura: Rua Dr. Colares, sem número, Centro. Todo o dinheiro arrecadado será destinado ao custeio do evento.

O projeto do Encontro de Ambientalistas surgiu em 2005, fruto da mobilização de organizações não-governamentais de Ponta Grossa que lutam pela qualidade de vida dos animais e do meio ambiente. Em 2007, o Encontro teve cerca de 250 participantes.