O grupo Muzenza faz rodas de capoeira, nos fundos do antigo mercado municipal, todas as sextas-feiras a partir das 19h. Qualquer pessoa que queira conhecer o esporte pode participar. A intenção, segundo o Mestre de capoeira Alceu Zagurski, é divulgar a prática e reunir todos os participantes do grupo.

 

Adriano Ferreira, mais conhecido como Piro, faz capoeira com o grupo há 14  anos e acredita que o esporte deveria ser mais prestigiado na cidade. “É interessante que todos conheçam melhor a cultura brasileira, que não é tão valorizada. A capoeira está presente na criação do país como nação”, explica o capoeirista.

O grupo também se apresenta em escolas e eventos. Na 13ª Feira do Dia das Mães, que aconteceu entre 2 a 11 de maio,  o Muzenza fez uma apresentação em comemoração aos 42 anos do grupo.