A região do Jardim Carvalho conta com cinco unidades básicas de saúde, mais conhecidas como “postinhos”. Desses, todos funcionam apenas com um médico, um atendente e dois enfermeiros, sendo que o ideal é de um médico para cada mil habitantes. O panorama geral da saúde na cidade de Ponta Grossa demonstra que a Prefeitura está sucateando cada vez mais as unidades dos bairros. Muitas fecham para reforma e não reabrem mais, outras não possuem material para continuar com seus serviços e outas não possuem o mínimo necessário de profissionais para atender a população.
Ismail Marcos de Souza, morador da Vila Estrela, parte integrante do Jardim Carvalho, conta que sempre que precisa de consulta médica precisa chegar no postinho e ficar fazendo fila até as sete da manhã, horário que começa o funcionamento. “Hoje, por exemplo, cheguei aqui às duas da manhã e consegui ser o primeiro da fila, mas mesmo assim estou esperando há três meses para fazer os exames que o médico pediu”, relata Ismail. Outra paciente que espera na fila, Maria Teresa Teodoro conta que “para conseguir consulta precisa chegar de madrugada, mesmo estando doente e precisando de atendimento”.
Não é só de falta de médicos que as unidades básicas de saúde carecem. Das seis unidades da região do Jardim Carvalho, quatro não possuem iluminação externa, as janelas estão quase todas quebradas e os secretários dispõe de pouco (ou nenhum) material de escritório, como papel, pastas para guardar os prontuários, dentre outros. “Aqui, se você não chega cedo, corre o risco de não ter nem papel para escreverem o que você tem”, fala Maria Teresa.
Confira a localização dos postinhos da região do Jardim Carvalho:

UBS Jayme Gusmann (Vila Estrela)
Rua Artur Azevedo - 3901-1740

PSF Julio de Azevedo (Vila Vilela)
Rua Des. Lauro Lopes, n 15 - 3901-1765

Unidade de Saúde 31 de Março     Tel: (42) 3901-17
Rua Washington Luiz, Neves – 3917-1770

Unidade de Saúde Antero Machado de Mello Neto  (Neves)
    Rua Ruy Bahls, s/n - 3901-1754
    
Unidade de Saúde Antônio Russo (Neves)
    Rua Saldanha Gama, s/n – 3901-1747

 

Próximo bloco:Entenda as diferenças entre cada serviço público de saúde

Carros estacionados seguem atrapalhando visão de motoristas. (Foto: Danilo Schleder)

Não é de hoje que o cruzamento da Avenida Ernani Batista Rosas (prolongamento da Avenida Bonifácio Vilela) com a Rua Antônio João gera problemas no Jardim Carvalho. Nem a última reforma, feita pela Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), que colocou sinalização indicando a proibição de estacionar, resolveu o maior problema do local.

Segundo acadêmicos da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), campus Ponta Grossa, o caminho entre a UTFPR e a rotatória que leva aos bairros Santa Lúcia, Santa Mônica e Uvaranas tem sido alvo de diversos assaltos. O problema ocorre sobretudo no período da noite.

A praça Dom Antônio Mazzarotto, no Jardim Carvalho, sofreu uma série de reformas há aproximadamente um ano, no entanto, as consequências dessas mudanças e a fraca manutenção ainda geram debate entre a comunidade que frequenta o espaço. As principais transformações aconteceram no parquinho infantil, que teve seus brinquedos substituídos, e no espaço verde do local, que teve uma grande quantidade de árvores retiradas.

Praca0131213Localizado na Rua Henrique Thielen, no Jardim Carvalho, o campinho de futebol da Praça Santo Antônio, vem sendo uma dor de cabeça para os pais das crianças que ali brincam. Isso porque, só no mês de agosto duas famílias reclamaram de acidentes com seus filhos no local.

JdCarvalhoMaes224-04-2013.jpg arquivo Comunitrio

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do bairro Jardim Carvalho trabalha com mulheres das comunidades locais o artesanato natalino, em um projeto de geração de renda.

Rua101-06-2013

Basta andar pelas vias da cidade inteira para notar que não exite muita vegetação, principalmente no bairros mais próximos ao centro.

Na quinta feira (14) a ex Ministra do Meio Ambiente, Marina Silva (PSB) discute com a população de Ponta Grossa os retrocessos mais visíveis com a reformulação do Código Florestal, no atual governo da presidenta Dilma Rousseff.

 StaMonica1031213A Prefeitura Municipal de Ponta Grossa, em parceria com a Pastoral da Criança, estudam um projeto de melhoria para a vila Santa Mônica, localizada na região nordeste da cidade e parte integrante do Jardim Carvalho.

Você já pensou no drama de morar em um lugar que não existe oficialmente? Para quase tudo o que vamos fazer precisamos colocar nosso endereço. Os moradores da “rua” Beira Rio não podem usufruir de serviços – muitas vezes básicos – porque não têm um endereço real.

Como legalizar uma rua? Veja o passo-a-passo

Pesadelo da vida real