Andrey Rotter se lançou como TwoClok em 2009, sem intenção de fazer do rap um trabalho. Mas com as primeiras músicas, ele descobriu uma paixão. No último mês, o álbum CoMercy4ll foi lançado, de forma independente, com nove faixas.


“A maior dificuldade foi o tempo, pois já tínhamos todos os instrumentais prontos, mas para juntar o coletivo demorou”, diz Andrey. O álbum teve a participação do coletivo 100$Crew para a realização das faixas, com destaque para as músicas ‘Game over’, com Insana, e ‘É fácil falar dela’, com Br-m.

Kamila Sansana, conhecida também pelo nome artístico de Insana, conta que escrevia há cinco anos e, com a ajuda de Andrey na musicalidade, escreveu seu primeiro trabalho. “Com as dicas de métrica e força na voz, fiquei confiante para lançar o primeiro trabalho que hoje é o mais repercutido do projeto”, diz Kamila.

O nome do álbum é uma reflexão sobre a música comercial e a música de mensagem. O nome significa ‘Company: mercy for all’, traduzido para ‘Empresa: misericórdia para todos’.

O primeiro álbum de Andrey foi o Clok’Soul, lançado em 2014, com 18 faixas e dois clipes. A produção trouxe a música ‘Inverso’ visualizada mais de 5 mil vezes no YouTube.

“Escrevi meu primeiro rap com uns 13 anos, em um trabalho da escola. Queria conquistar uma amiga, então percebi que tinha facilidade e continuei”, conta Andrey.

Além dos álbuns oficiais, Andrey realizou mais dois trabalhos não oficiais, Passo a passo, em 2011, e Abrindo os olhos, em 2012. As músicas do TwoClok podem ser visualizadas através do YouTube, na página do TwoClok.