O Diretório Central dos Estudantes (DCE) agora é o local para a prática de Yoga. Todas as quintas-feiras, às nove horas da manhã, o Grupo Sororidade – Minas PG (SMPG), utiliza o espaço em frente a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) para realizar aulas gratuitas e abertas para mulheres. As aulas tem duração de uma hora e para praticar é preciso apenas levar um tapete ou algo parecido para forrar o chão.

 


A iniciativa é da Turismóloga, Ana Claudia Follman, que está participando de um curso de yoga. Para completar sua formação como instrutora, Ana precisa ministrar aulas de yoga de forma voluntária. “Além de exercitar o corpo, o yoga também trabalha a respiração, o relaxamento e a expansão da consciência.


Luíse Macedo é uma das ativistas do SMPG. Segundo ela o grupo, que inicialmente era para ser apenas uma rede de contatos na internet, acabou se tornando algo muito maior, intregando diversos coletivos feministas na cidade.

 

“O Sororidade conta com a colaboração das integrantes. Cada uma ajuda com o que pode e como pode. E assim vamos construindo uma rede bem legal de troca de experiências e assistência à mulher”, conta Luíse. As aulas inicialmente eram no parque Monteiro Lobato, no Jardim Carvalho, mas depois de um contato com o Grupo Sororidade as aulas passaram a ser no DCE.


Para a estudante Raphaela Pacheco, que pratica yoga nas quuintas-feiras, o DCE é um espaço de união de tribos e troca cultural. “Eu vejo o DCE como o principal ponto de encontro do pessoal que "nao se encaixa" numa cidade como Ponta Grossa, conservadora e com uma cultura polarizada”, comenta Raphaela.

 

A última chapa estudantil eleita para a gestão do DCE foi no ano de 2013. Atualmente, a utilização do espaço está nas mãos de estudantes interessados que se organizam por conta, sem nada oficial.