Salão da Paróquia São Jorge é usado para festa julina em fase de construção

A Paróquia São Jorge de Ponta Grossa organizou na tarde de sábado, dia 9, uma festa julina para arrecadar fundos e financiar as reformas do salão de atividades. Cerca de 200 pessoas participaram da festa, que teve apresentações de dança com as crianças da igreja, música e comidas típicas. Uma missa foi realizada às 19h ao final do evento.

 

Voluntários e fieis aguardam por cinco anos a finalização do salão, que fica no Bairro Nova Rússia em frente a Paróquia. O espaço é utilizado de maneira improvisada, principalmente nos dias de chuva, para o atendimento de crianças carentes e outras atividades. O salão, ainda em construção, não possui janelas e nem piso.

Segundo a voluntária da Paróquia São Jorge, Sonia Roberti, 20 pessoas ajudaram na causa, com a organização da festa e preparação de alimentos. Para ela, esse tipo de ação reforça a união, lema principal da Paróquia. Com a festa, espera-se arrecadar um valor acima dos R$1500 reais. “Não há outra forma de renda”, explica Roberti.

A voluntária, Elizabete Derkack, participa da pastoral da criança dentro da Paróquia. Com um equipe de 10 pessoas, ela presta atendimento às crianças carentes com atividades de peso, vacinação e recreação. No total, 86 crianças fazem parte da pastoral atualmente e são atendidas no salão. Derkack conta que ajuda a realizar outros eventos mensais de arrecadação para o término das obras.

A fiel da Paróquia São Jorge, Romilda Poloni, participa das missas há mais de 32 anos. Com 62 anos, ela compareceu a festa para ver a apresentação da neta. Para Poloni, religião e educação são fundamentais para a formação de um cidadão. Ela conta que sempre participa dos eventos de arrecadação e apoia todas as iniciativas.