prociclovias-27-09-11O  I Ciclo de Debates sobre Mobilidade Urbana Sustentável, realizado na última quarta-feira, dia 21, teve a presença de 45 pessoas. A ideia era marcar o Dia Mundial Sem Carro e aproveitar para promover um debate sobre as estruturas viárias da cidade.





O Movimento Pró-ciclovias, em parceria com a Câmara Municipal, a Secretaria Municipal de Esportes e Recreação e a UEPG, organizou na última quarta-feira, dia 21, o I Ciclo de Debates sobre Mobilidade Urbana Sustentável.

O evento recebeu o apoio da Autarquia Municipal de Trânsito e Transportes, a Sanepar, a VCG e a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Ponta Grossa, que cedeu sua sede para que o encontro fosse realizado.

No dia, as palestras na parte da manhã e tarde tiveram a participação de 45 pessoas. Para Fátima Ribeiro, representante do movimento, a participação do público foi muito abaixo da expectativa.

“Acredito que não foi falta de divulgação. Distribuímos 500 cartazes pela cidade. Foram convidadas 40 autoridades, mas nenhuma compareceu”.

Para Ricardo Japesczko, motorista da Autarquia de Ponta Grossa, autoridades políticas como vereadores, deputados e membros da secretária de planejamento deveriam comparecer ao evento.

“Deveriam ter promovido este evento ano que vem, já que é ano eleitoral”, comenta Japesczko. Ele também diz que as palestras foram boas e de fácil compreensão.

“Para mim, que sou motorista e já me envolvi em acidentes com ciclistas, teve palestra que mostrou qual seria o comportamento correto de quem está no volante”.

Veja também

29/07/2011 - Ciclovias podem melhorar qualidade de vida em Ponta Grossa