Convocada para o Grande Auditório, no Campus Central, pela Seção Sindical dos Docentes da Universidade Estadual de Ponta Grossa (SindUEPG), a Assembleia Geral Extraordinária tem o objetivo de informar os professores sobre o andamento das negociações com o governo estadual e fazer uma avaliação da greve.

 

De acordo com relato publicado pelo sindicato em seu site, o Comando de Greve dos Docentes das sete universidades estaduais se reuniu na manhã da terça-feira, dia 10, com o líder do governo na Assembleia Legislativa, Luiz Claudio Romanelli, e o secretário de estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, João Carlos Gomes.

O encontro teve como resultado a revogação do decreto estadual 546/2015, que instituía o Grupo de Trabalho sobre o projeto de autonomia universitária (Governo recua, negociações avançam e o decreto 546/2015 foi revogado).

Os agentes universitários, convocados pelo Sindicato dos Trabalhadores em Estabelecimentos Estaduais de Ensino Superior de Ponta Grossa (Sintespo), fazem assembleia nesta quarta, dia 11, às 15 horas, no auditório do Observatório Astronomico da UEPG, no Campus de Uvaranas.

Arquivo comunitário:
19/02/2015 - Agentes universitários da UEPG paralisam atividades e reforçam greve geral de servidores
25/02/2015 - Sindicatos avaliam resultados da reunião dos reitores com governo do Paraná e mantêm greve