Pesquisadores e movimentos sociais reforçam o papel do negro na história de Ponta Grossa

Primeiro bloco do debate "13 de maio - Comemorar ou não?"

A recusa de comemoração da data 13 de maio reflete a busca de valorização da cultura afro-brasileira e da luta por maior representatividade do negro. O destaque dado às origens europeias leva, muitas vezes, ao esquecimento da participação da população negra no processo de ocupação e de colonização da região Sul do Brasil.

Mesmo com a Lei das Cotas o número de candidatos brancos é extremamente maior

Questões étnico-raciais são debatidas entre os ensinos públicos superior e básico

A trajetória do Dia Nacional da Consciência Negra ainda tem muito a crescer

 

O evento foi organizado pelo Programa Educacional Tutorial (PET) do curso de História da UEPG. A palestra, realizada pelo professor e pesquisador Ilton Cesar Martins, aconteceu na última terça-feira, dia 24, no Hall Tecnológico do Campus Uvaranas.

A ONG está promovendo palestras em escolas públicas e particulares, universidades, faculdades e também no comércio varejista, o tema "Preconceito, discriminação e lei 10.639". A iniciativa visa incentivar e promover a igualdade social nas escolas e nos ambientes de trabalho.

Debate sobre ajustes nas políticas de cotas para negros reúne representantes acadêmicos e da comunidade para discutir formas de melhorar os processos de admissão na universidade e divide participantes entre os que desejam a volta da banca de constatação e os que ressaltam o grande retrocesso que isto significaria.