O evento, realizado pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), acontece dia 27 e foi sugerido pelo deputado federal Sandro Alex, do partido Mobilização Democrática (MD-PR).

 

Com o cargo recém assumido, o presidente da União das Associações de Moradores de Ponta Grossa (UAMPG), Neymar de Meira Albach, ressalta a importância do evento para a cidade.

“Sabemos que a violência é um problema nacional, por isso precisamos mobilizar as pessoas para o uma possível solução”, comenta. De acordo com Albach, representantes da UAMPG estarão presentes no fórum, assim como presidentes das associações de moradores filiadas à União.

Além de instituições da cidade, alunos da UEPG participarão do evento. Estudante do curso de direito e membro do Centro Acadêmico Carvalho Santos (CACS), Paulo Pereira  afirma que o fórum permite que as discussões em sala de aula sejam aplicadas nos debates, que podem gerar consequências para a sociedade.

Além disso, Pereira aponta que, para que os debates sejam produtivos, devem se ater ao assunto proposto. “Casos de infrações cometidas por menores de idade já são de conhecimento de todos, e tais relatos podem alongar o processo”, revela Pereira.

O fórum sobre a maioridade penal será realizado no auditório da OAB – subseção de Ponta Grossa. A organização estima que 300 pessoas participem do evento e das discussões propostas.

Arquivo Comunitário: UAMPG supera expectativas e fecha ano com mais de 60 novas associações