A UAMPG (União das Associações de Moradores de Ponta Grossa) planeja inovações no modelo de sedes das associações. No planejamento estão atividades que serão desenvolvidas dentro da comunidade, como projeto com enfoque infantil que implanta o esporte dentro do bairro e ações sociais para elencar dificuldades da comunidade.


Dentre as principais mudanças está a presença da capela mortuária. Para Valdir de Oliveira, presidente da Associação de Moradores da Ronda, “uma capela à disposição da comunidade é de extrema importância, já que muitos velórios são feitos nas garagens das próprias casas”.

Segundo o presidente da UAMPG, Paulo Santos, ter uma sede social é uma forma de materializar parte do trabalho desenvolvido pela associação. Existem comunidades que possuem sede, mas que necessitam de reforma.

As reformas foram discutidas com o prefeito Marcelo Rangel em audiência pública. As mudanças estão em fase de elaboração do projeto técnico.