A situação atual do contorno que leva à saída da cidade de Ponta Grossa em direção a Curitiba é de grande preocupação para os moradores. Eles reclamam da falta de sinalização, de placas de identificação e de acostamento.

Leia também:

A Falta de iluminação no Contorno aumenta risco de acidente
“A estrutura do Contorno precisa de replanejamento da nova administração”, diz Alessandro
Opinião sobre a Rua Siqueira Campos
Editorial: Quilômetros de descaso, imprudência e perigo iminente

Os moradores da Rua Maria de Lourdes Vargas (Uvaranas) reclamam da falta de asfalto. Eles alegam que já foi encaminhado ofícios para a Prefeitura Municipal de Ponta Grossa em 2011, mas desde então, nenhuma providência foi tomada.

A última quinta-feira, dia 27, marcou o início de uma fase promissora para os moradores da região de Uvaranas e e de toda a cidade de Ponta Grossa. O Presidente da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Fernando Ghignone, assinou contratos para a ampliação das redes de distribuição de água e coleta de esgoto na cidade.  

Pertinho do posto de saúde Silas Sallem, na Vila Francelina, em Uvaranas, o único local de lazer aberto ao público em um raio de pelo menos 3 km está abandonado.

No sábado dia 22, os acadêmicos da terceira séria do Colégio Estadual General Osório realizam uma ‘Pastelada’. Para aproveitar o movimento de pessoas o Colégio também terá o bazar da Associação de pais e mestres da escola, (PMS) no mesmo dia.